Gato é suspeito de tentativa de assassinato no Japão

Pixabay

A investigação de uma tentativa de homicídio no Japão levou a um suspeito inusitado: um gato.

Mayuko Matsumoto, de 82 anos, foi encontrada pela filha com sangramentos decorrentes de 20 cortes no rosto no início do mês.

Os ferimentos foram tão profundas que a polícia japonesa investigou o ocorrido como tentativa de homicídio para descobrir quem atacou a idosa, que não consegue falar e está recebendo cuidados.

“Quando a encontramos, seu rosto estava coberto de sangue. Eu não sei o que aconteceu”, disse a filha de Matsumoto à emissora local RKK.

Os investigadores desconfiaram que alguma coisa estava errada quando não encontraram sinais de arrombamento da casa da idosa.

Eles também perceberam que os cortes se pareciam com arranhões de gatos e começaram a “investigar” alguns animais de rua da região.

De acordo com a NHK, os policiais estão analisando uma amostra de sangue retirada da pata de um dos gatos que pode ter arranhado Matsumoto.