Gilberto Gil é eleito para a Academia Brasileira de Letras

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 01.09.2018 - O cantor Gilberto Gil durante o primeiro dia do  Coala Festival, no Memorial da América Latina, em São Paulo. (Foto: Greg Salibian/Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 01.09.2018 - O cantor Gilberto Gil durante o primeiro dia do Coala Festival, no Memorial da América Latina, em São Paulo. (Foto: Greg Salibian/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Com 22 votos, a ABL (Academia Brasileira de Letras) elegeu Gilberto Gil como novo imortal da casa. O cantor e compositor de 79 anos ocupa a cadeira 20, em substituição ao jornalista Murilo Melo Filho (1928-2020).

Gil disputava a posição com o poeta e compositor Salgado Maranhão e com o escritor Ricardo Daudt. Com a eleição do artista, a ABL tem agora dois membros negros: Gilberto Gil e o acadêmico Domício Proença Filho.

A eleição desta quinta-feira (11) foi a segunda após a retomada das atividades presenciais da ABL. Na semana passada, Fernanda Montenegro foi eleita para a cadeira de número 17. Até o final do ano, serão escolhidos mais três imortais da Academia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos