Gilberto Gil abre baú de fotos raras e relembra exílio em Londres; veja imagens

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Gilberto Gil abre baú de fotos raras e relembra exílio em Londres; veja imagens (Foto: Reprodução/ Instagram @gilbertogil)
Gilberto Gil abre baú de fotos raras e relembra exílio em Londres; veja imagens (Foto: Reprodução/ Instagram @gilbertogil)

O cantor Gilberto Gil usou as redes sociais, nesta segunda-feira (27), para anunciar que o disco "Gilberto Gil", lançado em 1971 — há exatos 50 anos — ganhou uma nova edição em vinil. No dia 27 de dezembro de 1968, o cantor foi preso em virtude do AI-5, durante a ditadura militar brasileira. No ano seguinte, o artista precisou se exilar em Londres, onde criou o icônico álbum. 

Nas redes sociais, Gilberto Gil disponibilizou aos fãs fotografias raras dessa época. "Essas são algumas imagens do período em que Gil passou na capital da Inglaterra. Em 1971, o disco 'Gilberto Gil' eternizou esse momento de sua biografia, com músicas em inglês que retratam as referências musicais adquiridas por Gil", escreveu a equipe do artista.

O disco "Gilberto Gil", que completa em 2021 cinco décadas de lançamento, traz em seu repertório oito músicas cantadas em inglês, sendo três em parceria com Jorge Mautner. Entre as canções, figuram letras como "Nega (Photograph blues)", "Can't find my way home" e "Mamma". 

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos