Giovanna Ewbank diz que não queria se separar de Bruno Gagliasso

1 / 1
Giovanna Ewbank diz que não queria se separar de Bruno Gagliasso

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Giovanna Ewbank, 31, falou sobre a crise que viveu no relacionamento com Bruno Gagliasso, 35, em seu canal no YouTube.

A apresentadora afirmou que a separação em 2012 foi um dos momentos mais difíceis na vida de casal. "Tivemos dois momentos muito difíceis. Quando nos separamos sem querer, e outro quando estávamos na África, esperando respostas com ansiedade e medo", disse ela, relembrando o processo de adoção da filha Titi, 4, nascida no Malawi.

Contudo, foi a separação que trouxe para a apresentadora a certeza de que "não viveria" sem Gagliasso. "Tive certeza absoluta de que não viveria sem ele. Sentia muita falta de falar com ele, de rir. Das coisas pequenas, que no dia a dia acabamos não prestando atenção."

Sobre momentos especiais, Giovanna afirmou que a primeira viagem ao continente africano foi importante para o casal. "Descobrimos muitas coisas que nos tocaram. Passamos a ser pessoas mais legais. Essa viagem nos mudou e nos uniu muito."

Ela afirmou ainda que é difícil conciliar sua agenda com a de Gagliasso, já que ambos precisam viajar constantemente. "Quando ele viaja, eu e a Titi  tentamos ir junto e ficarmos com ele."

A modelo revelou que algumas coisas mudaram no relacionamento de nove anos, como o ciúme e o sexo, ambos diminuíram ao longo do tempo. "Nos três primeiros anos éramos mais ativos. Mas diminuiu com qualidade."