Gleisi afaga PSOL para tentar evitar crise após declarações de petista

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
***ARQUIVO*** BRASÍLIA, DF,  BRASIL,  19-11-2019 - A presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)
***ARQUIVO*** BRASÍLIA, DF, BRASIL, 19-11-2019 - A presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, fez um afago nesta terça-feira (7) ao PSOL para tentar estancar uma crise com o partido após declarações dadas à coluna Painel, da Folha de S.Paulo, por Luiz Marinho, que controla o diretório petista em São Paulo.

Em entrevista publicada no sábado (5), Marinho descartou a presença do PSOL na vaga de vice da chapa de Fernando Haddad (PT) para o governo de São Paulo, dizendo que ela não ajudaria a ampliar o apelo da candidatura junto ao eleitorado de centro.

"Tem que facilitar a vida do cidadão. Esse eleitor pensa: ‘já estou engolindo o PT e agora vem o PSOL junto?’ Precisa achar alguém deglutível para o eleitor", disse Marinho.

A declaração foi criticada por dirigentes psolistas, que a acharam deselegante por menosprezar o partido.

Gleisi concordou com a avaliação. "Acho que ele [Marinho] usou uma expressão que talvez não tenha sido muito elegante, como disse o pessoal do PSOL. Mas não fechou a porta, não [a uma aliança]. Eu entendo que a gente tem espaço para o PSOL, é importante estarmos juntos", afirmou a presidente do partido.

Ela também disse ser injustificada a preocupação de Marinho de moderar o apelo de Haddad. "Acho que não há preocupação, nós temos moderação já na chapa. O Haddad não é considerado uma pessoa radical, tem bom trânsito em vários setores", afirmou.

Gleisi reforçou que o PSOL agrega à chapa do PT no estado. "Com certeza, não tenho dúvidas. O PSOL tem presença popular, tem militância", disse.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos