Golpe de empréstimo com imposto recolhido via Pix preocupa Receita

A Receita Federal ressalta que não fornece dados para recolhimento de tributos ou taxas via transferência ou Pix (Getty Image)
A Receita Federal ressalta que não fornece dados para recolhimento de tributos ou taxas via transferência ou Pix (Getty Image)
  • Golpistas pedem pagamento em Pix para taxas inexistentes

  • Estelionatários forjam documentos e fingem ser a Receita Federal

  • Órgão recebeu denúncias de vítimas de suposta ação criminosa

Mais um golpe envolvendo o nome da Receita Federal foi criado. O órgão tem relatado receber denúncias sobre supostas empresas condicionam a liberação dos empréstimos ao pagamento antecipado de Imposto sobre Operações Financeiras (IOF).

Na ação criminosa, os estelionatários forjam documentos, como notificações de arrecadação falsas, que podem induzir a vítima a recolher taxas inexistentes para a liberação do dinheiro. Na operação, os golpistas enviam cartas para as vítimas fingindo ser servidores e oferecendo empréstimos.

Os golpistas ainda se identificam como “Receita” e utilizam o termo IRPF, assim como as cores do órgão e da bandeira nacional.

A RF diz que alguns cidadãos chegaram a pagar as taxas falsas através de transferências via PIX para pessoas físicas. O recolhimento do IOF é realizado apenas através do Documento de Arrecadação de Receitas Federais (Darf). A operação deve ser paga pela instituição que fornece o crédito e não pelo contribuinte.

Além disso, os servidores da Instituição não prestam serviços de empréstimo à população nem entram em contato para cobrar pagamentos como esse. A Receita Federal ressalta que não fornece dados para recolhimento de tributos ou taxas via transferência.

"Trata-se de golpe, já que a Receita Federal não fornece dados para recolhimento de tributos ou taxas via transferência”, informa o órgão em nota divulgada para a imprensa.

O órgão orienta que, caso o cidadão desconfie que está sendo vítima de um golpe, procure uma autoridade policial, munido de todas as provas possíveis, para registrar um boletim de ocorrência.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos