Google Fit chega ao iOS sincronizado ao Apple Health

Felipe Ribeiro

Após sua reformulação completa, feita em agosto de 2018, o Google Fit ganhara novas métricas e temas, além da promessa de chegada aos dispositivos móveis da Apple. Bem, a espera finalmente acabou, e o aplicativo de acompanhamento de saúde e atividade da gigante das buscas agora está disponível para iOS com a integração completa ao Apple Health.

Este novo Fit é focado em "metas de atividades inteligentes" que a Google criou com a American Heart Association. Os minutos de movimento são ganhos sempre que você está fisicamente ativo — caminhada, ioga, tarefas etc. — com um minuto gravado após 30 ou mais etapas.

Os Pontos Cardíacos têm o objetivo de capturar atividades mais moderadas, como uma "caminhada rápida acima de 100 passos por minuto". Exercícios mais intensos acumularão dois pontos por minuto, com as duas métricas representadas como anéis em sua imagem de perfil na guia Início. O aplicativo lista a contagem de passos, calorias e distância, com gráficos diários mais detalhados.

Imagem: 9to5Google

O Google Fit também ajusta as metas com base no seu progresso atual, com notificações de assistência e incentivo. A integração com o Apple Health trabalha nos bastidores, com o Fit puxando informações de passo e distância do Apple Health para calcular os pontos. Isso inclui dados coletados pelo seu iPhone ou pelo Apple Watch (caso esteja emparelhado). Enquanto isso, o Fit extrairá estatísticas diretamente dos dispositivos conectados ao Wear OS, quando disponíveis.

O guia diário fornece uma visão geral histórica da atividade. Como o Google Fit se conecta ao Apple Health, ele pode revelar e reunir dados de outros aplicativos sincronizados, como o Nike Run Club e o Headspace. Essa visão cronológica pode listar o sono, a caminhada e os treinos de wearables. Outras atividades incluem ioga e até sessões de respiração, com cada lista apresentando um ícone, distância os pontos de minutagem e dados cardíacos.

O Google Fit já está disponível na App Store.


Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: