Governo Biden prepara memorando de combate à corrupção

·1 minuto de leitura

WASHINGTON (Reuters) - O governo do presidente dos Estados Unidos Joe Biden lançará nesta quinta-feira um memorando de segurança nacional que instrui as agências governamentais a intensificar sua luta contra a corrupção e redigir um relatório com recomendações para responsabilizar os corruptos.

No memorando, o Conselho de Segurança Nacional da Casa Branca instrui o governo dos Estados Unidos a revisar e enviar ao presidente Joe Biden um relatório em 200 dias, com recomendações sobre como a administração e seus parceiros podem enfrentar o financiamento ilícito e construir relações internacionais para promover seus objetivos no combate à corrupção, disse um alto funcionário do governo.

"Estamos realmente confiantes que a implementação desta diretriz levará a novas ações, ousadas e decisivas para combater a corrupção em todo o mundo", disse o funcionário.

Em alguns casos, o memorando promove tarefas já realizadas por agências como o Departamento do Tesouro, que trabalha para impedir a ocultação de receitas de corrupção por trás de empresas de fachada anônimas.

O memorando também irá promover o trabalho do Departamento de Justiça na recuperação e devolução de bens roubados, acrescentou o funcionário.

(Reportagem de Nandita Bose em Washington)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos