Governo Bolsonaro entrega vídeo de reunião mencionada por Moro ao STF

Carolina Brígido e Gustavo Maia
Reunião com presidente, ministros e vice, na qual Moro diz ter sido ameaçado

BRASÍLIA - O governo encaminhou nesta sexta-feira ao Supremo Tribunal Federal o vídeo da reunião em que, segundo o ex-ministro Sergio Moro, o presidente Bolsonaro tentou interferir indevidamente nas atividades da Polícia Federal. O relator do processo, Celso de Mello, decretou sigilo ao material recebido, a pedido da Advocacia-Geral da União (AGU).

O material foi encaminhado à Corte pouco depois das 17h. Por volta das 20h, o ministro do STF decretou sigilo sobre o vídeo.

Leia também

A Secretaria Especial de Comunicação (Secom) repassou o vídeo do encontro para a Advocacia-Geral da União (AGU), que ficou responsável por enviar o vídeo ao Supremo.

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.