Governo de Minas Gerais: Kalil cresce, mas Zema pode ganhar em primeiro turno

Romeu Zema tem 17 pontos percentuais de vantagem em relação a Alexandre Kalil na corrida pelo governo de Minas Gerais (Foto: DOUGLAS MAGNO/AFP via Getty Images)
Romeu Zema tem 17 pontos percentuais de vantagem em relação a Alexandre Kalil na corrida pelo governo de Minas Gerais (Foto: DOUGLAS MAGNO/AFP via Getty Images)

A nova pesquisa Genial/Quaest mostra que Romeu Zema (Novo) deve vencer a eleição par ao governo de Minas Gerais no primeiro turno. Alexandre Kalil (PSD) cresceu dois pontos, variação dentro da margem de erro, mas o governador mostrou estabilidade.

Foram ouvidos 2 mil eleitores entre os dias 22 e 25 de setembro em entrevistas presenciais. A margem de erro é de 2 pontos percentuais e o registro da pesquisa é MG-07243/2022.

Veja o resultado da pesquisa estimulada, quando são apresentados os nomes dos candidatos:

  • Romeu Zema (Novo): 47%

  • Alexandre Kalil (PSD): 30%

  • Carlos Viana (PL): 4%

  • Indecisos: 7%

  • Branco/nulo/não pretendem votar: 7%

Se houver um segundo turno no estado, Zema também mostra vantagem em relação a Kalil – mas a diferença diminuiu: no levantamento anterior, eram 31 pontos de vantagem. Agora, são 25. Enquanto Kalil tem 31%, Zema lidera com 56% dos votos.

Senado

Na corrida pelo Senado, a pesquisa mostra vantagem para Cleitinho Azevedo (PSC), candidato de Jair Bolsonaro no estado. Ele tem 24% dos votos, enquanto Alexandre Silveira (PSD), apoiado por Lula, aparece com 15%.

O índice de indecisos (25%) é alto, assim como dos que devem votar branco/nulo ou não vão votar (14%).

Veja as últimas pesquisas eleitorais para presidente: