Governo desloca 19 servidores da Dataprev para atuar no INSS

Stephanie Tondo
Ao todo, 49 servidores da Dataprev serão cedidos para o INSS e o Ministério da Economia

O governo federal publicou uma portaria no Diário Oficial desta quinta-feira (dia 16) que autoriza o deslocamento de 19 servidores da Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev) para compor o quadro de funcionários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Outros 30 servidores da autarquia serão cedidos para o Ministério da Economia.

A portaria é assinada pelo secretário de Gestão de Pessoas, Wagner Lenhart, e determina que a data de retorno desses servidores à Dataprev será determinada pelo ministério.

A medida veio dois dias após o governo anunciar que convocaria 7 mil militares da reserva para atuar no atendimento aos segurados do INSS, de modo a reduzir a fila de espera pelos benefícios previdenciários, que hoje tem 2 milhões de pedidos aguardando para ser analisados.

De acordo com a portaria, o INSS e o Ministério da Economia deverão assegurar que esses servidores cedidos não exercerçam atividades que não correspondem às suas atribuições na entidade de origem, de forma a não ocorrer desvio de função.

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o WhatsApp do Extra (21 99644 1263)