Governo formaliza candidatura de Belém para sediar a COP 30

O governo brasileiro oficializou a candidatura de Belém, capital paraense de 1,5 milhão de habitantes, para sediar a Conferência das Nações Unidas sobre o Clima (COP) em 2025, anunciou, nesta quarta-feira (11), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

"O Itamaraty formalizou a cidade de Belém como a cidade que está disputado a candidatura para realizar a COP 30", disse o presidente Lula em um vídeo publicado no Twitter.

A candidatura faz parte dos esforços de Lula para posicionar o Brasil como líder ambiental global após anos de atritos da comunidade internacional com seu antecessor, Jair Bolsonaro.

Lula lembrou que em novembro, ainda como presidente eleito, propôs que a COP de 2025 fosse realizada na Amazônia Legal, onde o desmatamento avançou fortemente durante os quatro anos do mandato de Bolsonaro.

"Eu tinha assumido um compromisso no Egito, na COP 27, de que a COP 30 poderia ser realizada no Brasil", acrescentou Lula nesta quarta-feira.

O presidente fez o anúncio na companhia de Helder Barbalho, governador do Pará.

"Belém, no estado do Pará, estará de portas abertas para debater a Amazônia, discutir o clima no mundo, encontrar soluções", disse Barbalho.

A COP 28 será realizada nos Emirados Árabes Unidos entre novembro e dezembro.

raa/pr/yow/mvv/ic