Governo receberá seringas e agulhas para vacinação até dezembro de 2021

O governo federal apresentou na última quarta-feira, 16, o Plano Nacional de Imunização contra o coronavírus. No entanto, o Brasil não tem a quantidade suficiente de agulhas nem seringas para vacinar toda a população. Por isso, o ministério da Saúde vai escalonar a compra dos insumos. Segundo informações da Folha de S. Paulo, a entrega dos produtos será permitida até 31 de dezembro de 2021.