Governo do Rio anula nomeação de amigo de Bolsonaro para cargo de confiança

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Amigo e ex-assessor do presidente Jair Bolsonaro (PL) durante décadas, o jornalista Waldir Ferraz teve sua nomeação para um cargo de confiança no governo do Rio de Janeiro anulada nesta terça-feira (7).

O ofício tornando o ato sem efeito foi expedido pelo secretário de Esporte e Lazer, Alessandro Carracena.

A revogação ocorre após o Painel ter mostrado, no último sábado (5), que Ferraz, embora ocupasse o cargo desde 26 de maio, já fazia atividades como pré-candidato a deputado federal pelo PL.

Na ocasião, o ex-assessor declarou também que não sabia o motivo para ter sido indicado para o cargo e que não queria estar nele. Por isso, não aparecia para trabalhar.

Ferraz havia sido nomeado para uma função na Superintendência de Promoção Institucional da secretaria, com salário bruto de R$ 9.000.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos