Governo de Santa Catarina cria rota turística do tiro

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O governador de Santa Catarina, Carlos Moisés (Republicanos), sancionou decreto da Assembleia Legislativa do estado e criou uma rota turística do tiro. A medida já foi oficializada no Diário Oficial catarinense.

Segundo o decreto, o objetivo é divulgar clubes e escolas de tiro nos municípios que integram a rota e estimular o desenvolvimento da prática do tiro na região.

A rota é composta por 29 municípios: Jaraguá do Sul, Araquari, Joinville, São Bento do Sul, Rio Negrinho, Mafra, Porto União, Caçador, Irani, Xanxerê, Campo Erê, São José do Cedro, São Miguel do Oeste, Palmitos, Chapecó, Concórdia, Campos Novos, Curitibanos, Lages, Rio do Sul, Timbó, Pomerode, Blumenau, Balneário Camboriú, Brusque, São José, Florianópolis, Tubarão e Criciúma.

Santa Catarina é um dos estados do país em que o presidente Jair Bolsonaro (PL), defensor de políticas armamentistas, tem mais apoiadores.Em 2018, ele teve 75,92% dos votos contra Fernando Haddad (PT), com 24,08%, no segundo turno das eleições.

O atual governador, Carlos Moisés, elegeu-se como aliado de Bolsonaro e busca a reeleição.