Graciele sobre filho aos 41 anos com Zezé: "Ser mãe madura é melhor para mim"

Graciele Lacerda está com Zezé di Camargo há cerca de 10 anos (reprodução / instagram @gracielelacerdaoficial)

Graciele Lacerda está pronta para ser mãe do filho ou filha de Zezé di Camargo. Em conversa com o Yahoo! ela contou como serão os próximos passos da fertilização — que já começou.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

A professora de educação física, jornalista e influencer fitness está há alguns anos mudando a forma de se alimentar e se exercitar para poder ter uma gestação saudável. “Quero parir até os 41, estou com 38. Estou preparando meu corpo, mudando meu estilo de vida para a gravidez. A idade não atrapalha em nada, ajuda. Ser mãe mais madura é melhor para mim e para o Zezé”, conta Lacerda.

Leia também

Já tem até data!

Depois de fazer uma dieta detox para colher os óvulos mais saudáveis no primeiro semestre, Graciele está aguardando só a inseminação. “Agora, o embrião fica guardadinho. Vou me programar para ele nascer nas férias do Zezé, que são entre janeiro e fevereiro. Ele está mais tranquilo e consegue me acompanhar por uns três meses.”

Barrigão

“Não consigo me ver mãe. Não sei se pela minha vida agitada, por não parar nem um minuto, aí não consigo me imaginar grávida. Juro! Tenho até medo. Fico me perguntando: ‘Será que vou dar conta?’ Tenho medo de não educar bem, da responsabilidade de gerar outra vida. A pergunta é: ‘Será que vou saber ser?’ Já me disseram que quando se tem esse medo as respostas vêm junto do filho, então está bom”, diz a influencer sobre os medos da maternidade.

E o parto?

Entre humanizado, normal, ou cesária, o casal já se decidiu. “Sou totalmente contra parto humanizado, natural. Não tem isso de ficar sofrendo a noite toda, esperando. Diferente do povo, quero cesária mesmo. Depois que marcar a data vou no salão um dia antes, ficar bonitinha, pegar minha malinha, Zezé do meu lado e caminho da maternidade.”

“Deu a hora vai lá e faz. Não quero chegar lá correndo e ficar sofrendo, não conseguir. E pode acontecer de passar da hora, o bebê correr risco. O Zezé também prefere. Ele fala que depois do parto normal a mulher não é a mesma (risos). Ele fala: 'Não, não vai mexer com esse negócio de parto normal não'. Ele é contra. Então bateu certinho.”

Sexo de nascimento

Zezé já é pai de Wanessa, Camila e Igor, mas Graciele não quer escolher o sexo do filho. “Sou contra escolhermos na hora de fertilizar. O que Deus mandar vai ser muito amado e querido. Aliás, por muita gente. Só peço que venha com saúde. O resto é consequência. Sei que só quero um. Pessoas já disseram que fertiliza e nasce gêmeos, mas fiz tudo pra ter um embrião só em cada óvulo. Quando ele injetar, será um só. Se não vingar, temos outros embriões.”

Corpo trincado

Engordar, ficar flácida ou com outras marcas no corpo por conta da gestação não são uma preocupação. “Tenho memória muscular. Cuido do meu corpo há mais de 30 anos e vou me policiar durante a gravidez, não vou sair comendo o que vejo na frente. Quando se come muita besteira, açúcar, fritura, a criança pode nascer com pré-disposição para diabetes, pressão alta, várias doenças que poderiam ser evitadas. Não vou manter a rotina saudável por vaidade, mas sim pela saúde do meu filho.”

Papinha fitness

Mas, será que essa criança não saberá o que é brigadeiro ou batata-frita? “Pretendo alimentá-lo de forma saudável, mas não serei neurótica. Se ele for em uma festinha e tiver, pode comer. Ele terá uma alimentação correta e saudável, mas vai comer porcaria uma vez outra, se ele gostar. Tem criança que não gosta e vou rezar para ele não gostar (risos).”