Gracyanne Barbosa negocia com a Portela e ameaça cargo de Bianca Monteiro: a dança das rainhas

O carnaval mal acabou e o próximo já vem sendo desenhado ns bastidores da Sapucaí. Com apenas dez meses para os desfiles de 2023, o corre-corre e troca-troca entre as escolas começou antes mesmo do resultado da apuração, que deu a Grande Rio o primeiro título de campeã do grupo especial de sua história.

Paolla Oliveira só sai do posto de rainha de bateria se quiser. No que depender de Jaider Soares, presidente da agremiação de Caxias, ela fica à frente dos ritmistas pelo terceiro ano consecutivo. O que nem é tão usual assim, já que por ali há um rodízio a cada dois anos.

Vago mesmo está o posto na Paraíso do Tuiuti, já deixado por Thay Magalhães, que fez sua estreia e despedida no mesmo dia, após uma série de polêmicas na agremiação. Iza também não deve voltar a sambar à frente dos ritmistas da Imperatriz Leopoldinense. Já era, inclusive, uma vontade da escola substitui-la. Bem como Giovana Angélica, rainha de bateria da Mocidade, que nem raspando os cabelos para o desfile, conseguiu garantir mais um ano.

Mas a maior articulação acontece lá para os lados de Madureira, bairro da Zona Norte do Rio. Há seis anos como rainha de bateria da Portela, Bianca Monteiro tem, pela primeira vez, o reinado ameaçado. E por alguém que está louca para sambar na Avenida novamente. Gracyanne Barbosa e a escola, que completa 100 anos em 2023, estão conversando.

Gracyanne já foi musa da Portela em 2016 e tenta ser rainha de bateria da tradicional agremiação desde então. Ela quase conseguiu em 2017, quando Patricia Nery saiu da escola. Mas Bianca foi quem ficou em seu lugar. Agora, porém, a Portela, que ficou com o quinto lugar este ano, quer dar a volta por cima e fazer de tudo para ser campeã no ano de seu centenário. E o dinheiro deste posto será muito bem-vindo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos