Grafites do Beco do Batman ganham versão em realidade aumentada

·1 min de leitura
Beco do Batman
'Beco Expandido' será lançado nesta quinta-feira (11) para Android e iOS

(Giulio Paletta/Education Images/Universal Images Group via Getty Images)

  • Aplicativo cria versão virtual dos grafites do Beco do Batman 

  • Cinco obras foram escolhidas para serem recriadas em 3D 

  • App permite que o usuário teste os grafites na parede da sala de casa, por exemplo

Os grafites do Beco do Batman, localizado na cidade de São Paulo, ganharam uma versão virtual. Nesta quinta-feira (11), será lançado o aplicativo Beco Expandido, que permitirá a visualização de cinco obras em realidade aumentada.

Leia também:

A novidade chega para potencializar a experiência artística da capital mundial do grafite, que concentra artistas reconhecidos internacionalmente. Além de oferecer interação com as obras, o app permite que o usuário veja como elas ficaram na parede da sala de casa, por exemplo, já que todas foram reconstruídas em 3D.

“O desafio foi unir tecnologias de computer vision e real-time spatial tracking com uma interface agradável e animações interativas em 3D para rodar em aparelhos smartphone que naturalmente não possuem alto poder computacional. Nosso foco foi colocar a experiência do usuário em primeiro lugar, valorizando a estética, contemplatividade e interatividade” explica André Mattos, diretor técnico do aplicativo.

Os apaixonados pela arte poderão conferir, sem sair de casa, os detalhes dos cinco grafites escolhidos: “Carpa flores e abelhas”, de Binho Ribeiro; “A espreita”, de Tikka; “Quintessência”, de Highraff; “ReDesconstrução :)”, de Enivo; e “Sem título”, de Bugre.

O projeto foi idealizado pelo estúdio criativo Midiadub, do qual André faz parte junto com Gabriel Santos e Arthur Boniconte. O aplicativo estará disponível tanto para Android quanto para iOS.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos