Gravação com famosos viraliza entre petistas na internet: "É 13'

·2 min de leitura
Ana Hikari viraliza nas redes sociais (Foto: Reprodução/ Twitter @_anahikari)
Ana Hikari viraliza nas redes sociais (Foto: Reprodução/ Twitter @_anahikari)

Um trecho do programa Caldeirão, exibido neste sábado, viralizou nas redes sociais, após artistas que participavam do quadro “Tem ou Não Tem?” começarem a gritar repetidas vezes “é 13”. O assunto, que ficou entre os mais comentados do Twitter, foi visto pelos internautas como uma manifestação política a favor do então candidato à presidência Luiz Inácio Lula da Silva, por ser o número do Partido dos Trabalhadores (PT).

Nas redes sociais, parlamentares lulistas também compartilharam o vídeo. O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT-SP) e o senador Humberto Costa (PT-PE) publicaram a gravação com a legenda “É 13, Brasil”.

No vídeo, o apresentador Marcos Mion avisa para o time “As Five”, composto pelas atrizes Ana Hikari, Daphne Bozaski, Gabriela Medvedovski e Heslaine Vieira, que elas precisam de 13 pontos para vencer o jogo. O outro time era composto por Gil Nogueira, Camilla de Lucas, João Luiz Pedrosa e Viih Tube, participantes do BBB 21.

A pergunta é: diga um presente que você dá para um bebê. Você respondeu mamadeira. Calma que eu tô tenso, tô nervoso. A gente precisa que 13 brasileiros tenham respondido o mesmo que você. Só 13 — explicou Mion. Em seguida, Ana Hikari respondeu: — Só 13? É 13, vai!

Neste momento, os participantes do programa começaram a repetir o número 13 enquanto aguardavam para descobrir quantos brasileiros responderam “mamadeira”. No placar do jogo apareceu que 19 pessoas deram a resposta esperada, ajudando o time a vencer e faturar R$ 30 mil.

Em seu perfil no Twitter, a atriz Hikari escreveu que vai “usar esse vídeo até outubro”, mês em que acontecem as eleições.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos