Gregório Duvivier, Diogo Vilela e outros artistas reestreiam peças neste fim de semana

Para rir ou chorar, para sentir ou cantar, não há nada como uma boa peça de teatro para sentir aquele arrepio de emoção durante uma cena que acontece logo ali na sua frente. E neste pós-carnaval, o Rio está mais bem servido que camarim de estrela pop. São vários espetáculos que estreiam ou reestreiam, seja abrindo temporada ou mesmo em única apresentação.

Gregório Duvivier, por exemplo, começa a apresentar o monólogo “Sísifo”, que fica por duas semanas no Teatro Riachuelo, no Centro, e depois já emenda no mesmo local a temporada de outra produção: “Portátil”.

— O teatro me faz muito bem. O contato com a plateia entusiasma e dá ideias. Fico muito feliz de encontrar um público com o mesmo entusiasmo por essa arte, que envolve sair de casa todos no mesmo horário e ficar uma hora com o celular desligado. Não é fácil. Vai na contramão dos tempos. Por isso mesmo faz tanto sentido — vibra.

Já Diogo Vilela leva ao Teatro Rival Refit seu espetáculo interpretando Cauby Peixoto. Mesmo tendo feito esse papel tantas outras vezes nos palcos, o artista conta que sente sempre uma emoção única:

— Sempre resisti em repetir o mesmo tema no teatro. Mas, com esse show (em que canta, como Cauby, o repertório do artista), estou tendo que reconsiderar porque o apelo do público, aliado ao prazer que temos em fazer, é único.

Ao lado, confira peças em cartaz neste fim de semana.

Nos palcos

‘3 maneiras de tocar no assunto’

Com Leonardo Netto, a peça definida como um manifesto artístico contra a homofobia faz única apresentação gratuita hoje, às 19h, na Arena Dicró (Parque Ary Barroso, entrada pela Rua Flora Lobo s/nº, Penha Circular). A retirada de ingressos acontece no local duas horas antes. 14 anos.

‘O cachorro que se recusou a morrer’

Samir Murad estrela o monólogo idealizado a partir das experiências de seu pai, um imigrante libanês. Sábados, às 20h30, e domingos, às 19h, no Teatro Brigitte Blair (Rua Miguel Lemos 51, Copacabana). Ingressos a R$ 30 (meia) no site Sympla. 10 anos. Até 2 de abril.

‘Cauby, uma paixão’

Com repertório baseado no musical “Cauby! Cauby!”, o ator Diogo Vilela interpreta Cauby Peixoto em um espetáculo que percorre a carreira do cantor. Teatro Rival Refit (Rua Álvaro Alvim 33, Cinelândia). Sessões de hoje a sábado, às 19h30. Ingressos a partir de R$ 55 no site Sympla. 16 anos. Únicas apresentações.

‘Ilíada’

Os atores Daniel Dantas e Letícia Sabatella estreiam a montagem do clássico grego de Homero. Sessões sexta e sábado, às 20h, e domingo, às 19h, no Teatro XP (Jockey Club da Gávea, na Av. Bartolomeu Mitre 1.110B, Leblon). Ingressos a partir de R$ 40 (meia) no site Sympla. 12 anos. Até 2 de abril.

‘Insucessos de uma vida quase adulta’

A atriz Bia de Queiroz apresenta texto de autoficção. Sessões aos sábados, às 22h, no Teatro Cândido Mendes (Rua Joana Angélica 63, Ipanema). Ingressos a R$ 20 (meia) no site Sympla. 12 anos. Até 25 de março.

‘Judy — O arco-íris é aqui’

Luciana Braga apresenta o musical sobre Judy Garland, um dos maiores nomes da era de ouro de Hollywood. Sessões sextas e sábados, às 20h, e domingos, às 18h, no Teatro Prudential (Rua do Russel 804, Glória). Ingressos a R$ 45 (meia) no site Sympla. 12 anos. Até 26 de março.

‘Morre uma estrela’

A trama se passa em Hollywood, nos anos 1950, e parte da morte misteriosa de uma artista. Reestreia amanhã, às 19h. Depois, sextas e sábados, às 19h, e domingos, às 18h, no Teatro Dulcina (Rua Alcindo Guanabara 17, Centro). Ingressos a R$ 20 (meia) no site Sympla. 12 anos. Até 26 de março.

‘Outras Marias’

Histórias como a de Maria Quitéria e Maria Bonita são apresentadas no musical, que reestreia amanhã. Temporada com sessões de sexta a domingo, às 19h, no Teatro Glauce Rocha (Avenida Rio Branco 179, Centro). Ingressos a R$ 20 (meia). 12 anos. Até 26 de março.

‘Oxê Rio... tu é doido, é?’

A peça fala de uma família de retirantes que chega ao Rio e faz sessão única às 19h no domingo, no Teatro Arthur Azevedo (R. Vítor Alves 454, Campo Grande). Ingressos a R$ 20 (meia) no site Eleven Tickets. 14 anos.

‘A sereníssima república’

O ator Gustavo Ottoni apresenta um texto adaptado de Machado de Assis. Sextas, às 20h, no Teatro Glaucio Gill (Praça Cardeal Arcoverde s/nº, Copacabana). Ingressos a R$ 15 (meia). Livre. Até 31 de março.

‘Sísifo’

Em cenas curtas, Gregório Duvivier aborda diferentes temas no palco do Teatro Riachuelo Rio (Rua do Passeio 38, Centro). Sexta e sábado, às 20h; domingo, às 18h. Ingressos a partir de R$ 25 (meia) no site Sympla. 16 anos. Até 12 de março. Em seguida, ele segue no mesmo teatro, mas para apresentar a peça “Portátil” entre os dias 17 a 26 de março, ao lado dos atores João Vicente de Castro, Gustavo Miranda e Luciana Paes (mesmos preços e horários).

‘Improvável’

O trio Barbixas apresenta a peça de humor no Teatro Casa Grande (Av. Afrânio de Melo Franco 290A, Leblon) em únicas apresentações. Sexta, às 20h; sábado, às 19h e às 21h; domingo, às 18h e às 20h. A partir de R$ 40 (meia) no site Eventim. 16 anos.

E mais...

‘100% Cacau’

Cacau Protásio segue em temporada no Teatro Miguel Falabella, no NorteShopping (Av. Dom Hélder Câmara 5.332, Cachambi), com a sua peça de humor. Sextas, às 21h; sábados e domingos, às 20h. R$ 70 (inteira). 14 anos. Até 26 de março.

‘Um pai de outro mundo’

O espetáculo “Um pai de outro mundo”, com o ator Marcelo Serrado, prorrogou temporada no Teatro das Artes (Shopping da Gávea, na Rua Marquês de São Vicente 52). Sexta e sábado, às 21h; domingo, às 20h. Ingressos a R$ 50 (meia) no site Divertix. 12 anos. Até 12 de março.

Infantis

‘Ádil e os leões’

Na peça, um príncipe precisa vencer seu medo e virar rei. Sábados e domingos, às 16h. No Teatro Glaucio Gill (Praça Cardeal Arcoverde s/nº, Copacabana). Ingressos a R$ 15 (meia) no site Eleven Tickets. Livre. Até 26 de março.

‘Brinquedos consertados’

A peça, escrita pelo dramaturgo Domingos Oliveira na década de 1960, narra a saga de três brinquedos quebrados em busca de um dono que goste deles de verdade. No Teatro dos Grandes Atores (Av. das Américas 3.555, Barra), sábado e domingo, às 17h. R$ 35 (meia). Livre. Até 26 de março.

‘Raulzito Beleza — Raul Seixas para crianças’

Sucessos do cantor e compositor Raul Seixas são apresentados em uma história adaptada para crianças. Na EcoVilla Ri Happy, no Jardim Botânico (Rua Jardim Botânico 1.008). Sáb e dom, às 16h. R$ 40 (meia) no site Eventim. Livre. Até 2 de abril.

‘Uma aventura jurássica’

A peça conta a história de dois irmãos que acordam no meio de dinossauros. Na Sala Nelson Pereira dos Santos (Av. Visconde do Rio Branco 880, São Domingos, Niterói). Sábados e domingos, às 17h. R$ 35 (meia) no site Sympla. Livre. Até 26 de março.

‘Uma história sem fim’

A peça infantil é inspirada no autor folclórico Câmara Cascudo. No Teatro Arthur Azevedo (Rua Vítor Alves 454, Campo Grande). Sessão única no domingo, às 17h. Ingressos a R$ 20 (meia) no site Eleven Tickets. Livre.

‘Uma nova onda’

A peça fala de assuntos ligados à preservação do meio ambiente. Estreia neste domingo, às 16h. Depois, sábado e domingo, às 16h. No Teatro Ruth de Souza (Parque das Ruínas, na Rua Murtinho Nobre 169, Santa Teresa). R$ 10 (meia) no Sympla. Livre. Até 12 de março.

‘Nem sim, nem não’

A comédia infantil escrita por Pedro Cardoso e Graziella Moretto conta a história de uma jovem que começa a trabalhar em duas casas muito diferentes. Sala Maria Thereza Tápias (Av. Armando Lombardi 175, Barra). Sáb e dom, às 16h. R$ 15 (meia) no site Sympla. Livre. Até 19 de março.