Grupo Pão de Açúcar vai vender 71 lojas do Extra para Assaí por R$ 5,2 bilhões

·1 minuto de leitura

RIO — O Grupo Pao de Açúcar (GPA) e Assaí divulgaram memorando nesta quinta-feira afirmando que o Assaí vai comprar 71 lojas do supermercado Extra, do GPA, por todo o Brasil por R$ 5,2 bilhões.

Segundo o acordo, o Assaí vai pagar R$ 4 bilhões diretamente ao Grupo Pão de Açúcar para o uso das 71 lojas. A quantia será ao GPA em parcelas, que serão pagas entre dezembro de 2021 e janeiro de 2024. As duas empresas são controladas pelo grupo francês Casino. O negocio foi revelado nesta quinta pelo jornal Valor Econômico.

Além disso, faz parte da transação um outro negócio: a venda de 17 imóveis próprios do GPA para um fundo imobiliário no valor de R$ 1,2 bilhões, com a "interveniência e garantia" do Assaí.

O Assaí também celebrou um acordo com este fundo para alugar os imóveis por 20 anos, podendo ser renovado pelo mesmo prazo.

No comunicado divulgado pelo GPA, o CEO da empresa, Jorge Faiçal, afirmou que a compra "representa uma oportunidade única de intensificar o foco e a aceleração da expansão dos negócios de maior rentabilidade da Companhia por meio de segmentos premium e de proximidade, notadamente com as bandeiras do Pão de Açúcar, Minuto e Mercado Extra".

Já o CEO do Assaí, Belmiro Gomes, acredita que a transação vai garantir a "expansão combinada ao fortalecimento dos resultados através da conversão das lojas em pontos comerciais excepcionais, localizados em regiões adensadas e com baixa sobreposição com a plataforma atual de lojas do Assaí".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos