Grupo Wagner interfere nas eleições norte-americanas

Numa altura em que os cidadãos dos Estados Unidos se preparam para as eleições intercalares, o Grupo Wagner, que acaba de abrir a primeira sede em São Petersburgo, admitiu interferir nas eleições norte-americanas. Através dos meios de comunicação social russos, o líder do grupo privado de mercenários disse: "Interferimos, estamos a interferir e vamos continuar a interferir".