Guarda municipal de folga mata três pessoas a tiros em bar no RJ

·2 minuto de leitura
Fábio Damon matou três pessoas e feriu outras três - Foto: Reprodução
Fábio Damon matou três pessoas e feriu outras três - Foto: Reprodução
  • Fábio Damon matou três pessoas e feriu outras três a tiros após discussão em um bar no Rio

  • De acordo com testemunhas, o guarda municipal conhecia as vítimas

  • A Guarda Municipal do Rio informou que abriu processo disciplinar e colaborará com as investigações

Um guarda municipal matou três homens a tiros em um bar na noite da última segunda-feira, em Vigário Geral, Zona Norte do Rio de Janeiro. Fábio Damon Fragoso da Silva, de 46 anos, ainda feriu outras três pessoas. As informações são do G1.

Segundo a Polícia Civil, os homens assassinados por Fábio são Anderson Pinto Lourenço, André da Silva Ramos e Delcio Fernando Gonçalves Silva. As idades das vítimas não foram reveladas.

Leia também

Fábio estava de folga, mas a Guarda Municipal informou que já abriu processo disciplinar para apurar sua conduta e se comprometeu a colaborar com as investigações policiais.

Segundo testemunhas, Fábio conhecia as vítimas, mas teria se irritado com comentários e provocações das mesmas.

"Ele estava bebendo ali com os caras, aí começaram a zoar ele. Ele foi em casa, pegou a arma e voltou largando o aço. Aí chamaram a polícia. Ele fugiu para uma casa e ali ficou", relatou uma testemunha.

Episódio ocorreu em Vigário Geral - Foto: Reprodução/Google Street View
Episódio ocorreu em Vigário Geral - Foto: Reprodução/Google Street View

A polícia foi chamada e, ao chegar ao local, também foi recebida com tiros. Fábio só interrompeu os disparos quando foi alvejado na perna por um PM.

O guarda foi detido e levado para um hospital da região, onde era mantido sob custódia até a manhã desta terça-feira. A arma utilizada por ele foi apreendida.

Feridos em estado grave

De acordo com o G1, três homens foram internados após serem alvejados por Fábio: um de 62, outro de 58 e o terceiro de 25 anos. Dois deles estão em estado grave.

O rapaz de 25 anos foi ferido no ombro e no abdômen e perdeu um rim. A família contou que ele e Fábio moravam no mesmo prédio. O jovem, que é militar, ouviu os disparos e, ao descer para checar o que estava acontecendo, foi baleado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos