Guardas municipais usam tradutor do Google para socorrer tailandesa abandonada pelo namorado ucraniano no Parque Madureira

·1 min de leitura

RIO - Guardas municipais que faziam um monitoramento de rotina no Parque Madureira, na Zona Norte do Rio, passaram por uma situação inusitada nesta sexta-feira, véspera de Natal. Segundo a corporação, agentes da 11ª Inspetoria encontraram uma turista tailandesa de 20 anos perdida na área de lazer.

Como a jovem só falava tailandês, os guardas não conseguiram, em um primeiro momento, iniciar um diálogo. Contudo, a comunicação acabou acontecendo graças ao tradutor do Google, utilizado através de um telefone celular.

Deste modo, a turista contou ao agentes que havia sido deixada no parque pelo namorado, um ucraniano de 33 anos. O rapaz teria abandonado a companheira no local depois que o casal teve uma discussão.

Perdida, a taliandesa não conseguiu, depois da briga, retornar sozinha para o hotel onde está hospedada, no Centro do Rio. Com a ajuda da ferramenta do Google, ela conseguiu indicar a localização exata do estabelecimento.

Os guardas municipais, então, levaram a jovem até a Delegacia de Atendimento ao Turista (Deat), no Leblon, e em seguida para o hotel no Centro. De acordo com o órgão, "os agentes também a orientaram quanto aos riscos de andar sozinha em locais desconhecidos". A identidade da jovem não foi divulgada pela Guarda.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos