Guedes estampa nota de US$ 9,55 milhões em referência a paraíso fiscal

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Homem passa por grafite em protesto a Paulo Guedes
Fachada do Ministério da Economia, durante protesto contra Paulo Guedes

(SERGIO LIMA/AFP via Getty Images)

  • Rosto de Paulo Guedes é estampado em nota de US$ 9,55 milhões 

  • Protesto foi feito na Faria Lima, em São Paulo, em referência ao paraíso fiscal do ministro

  • Na nota de dólar, há também referências sobre seu lucro como ministro

Paulo Guedes foi mais uma vez motivo de protesto na Brigadeiro Faria Lima, em São Paulo. Na noite desta quinta-feira (7), manifestantes colaram um cartaz com a foto do ministro da Economia em uma nota de US$ 9,55 milhões, em referência à quantia que ele acumulou no paraíso fiscal das Ilhas Virgens Britânicas.

Na nota de dólar, também está escrito “No tax we trust” (confiamos em nenhum imposto) e “Duty Free” (sem taxas), além do lembrete dos R$ 14 mil que Guedes obteve por dia no governo Bolsonaro. 

Os manifestantes são os mesmos que, um mês e meio atrás, fizeram um cartaz de Guedes escrito “Faria Loser”. Loser significa perdedor, em inglês.

"Primeiro, achamos que Guedes era apenas o Faria Loser, ou seja, o gestor de uma política econômica já fracassada. Mas agora descobrimos que ele mantinha milhões de dólares em paraíso fiscal", disse um dos ativistas à Folha de São Paulo. "Além de escapar de impostos, Guedes lucrou com a alta do dólar enquanto o país voltava a sofrer com inflação e perda de poder aquisitivo. Daí a lama".

A Avenida é simbólica para os manifestantes, já que boa parcela dos empresários que votaram em Jair Bolsonaro trabalha lá. Nesta terça-feira (3), Câmara e Senado aprovaram requerimentos para ouvir Paulo Guedes e o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, sobre a manutenção de offshores em paraísos fiscais. Na Câmara, como se trata de uma convocação, o ministro é obrigado a comparecer. Ainda não há data.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos