Guedes é convocado para dar explicações no plenário da Câmara sobre offshore

·1 minuto de leitura
Ministro Paulo Guedes

BRASÍLIA (Reuters) -O plenário da Câmara aprovou nesta quarta-feira um requerimento de convocação do ministro da Economia, Paulo Guedes, para que ele preste esclarecimentos sobre conta offshore em um paraíso fiscal, após revelação do caso no final de semana em reportagens do Pandora Papers.

O pedido foi aprovado com 310 votos favoráveis e 142 contrários, e ocorre na esteira de outros pedidos de ida de Guedes ao Congresso aprovados para explicar o caso nos últimos dois dias.

Ainda não há data marcada para o comparecimento do ministro da Economia ao plenário da Câmara, que é obrigatório.

Mais cedo, a Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara também havia aprovado uma nova convocação de Guedes, repetindo o que já havia sido feito na véspera pela Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público da Câmara.

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, que também é citado nas reportagens, foi convidado a dar explicações na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle. No caso do convite, a autoridade não é obrigada a comparecer.

Em outra frente, também na terça, a Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado aprovou convite tanto para Guedes como para Campos Neto darem explicações. Em acordo costurado com senadores da oposição e governistas e as duas autoridades, ficou definida a data de 19 de outubro para os depoimentos.

Parlamentares da oposição querem saber se haveria um suposto conflito de interesses das duas autoridades na manutenção dessas contas ocupando os cargos responsáveis por gerir as políticas econômica e cambial do país.

Em comunicados, Guedes e Campos Neto já afirmaram que as contas foram devidamente apresentadas às autoridades competentes e que não cometeram nenhuma irregularidade em relação aos cargos que ocupam.

(Reportagem de Ricardo BritoEdição de Alexandre Caverni e Pedro Fonseca)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos