Guedes viaja a Washington para participar de reunião do FMI e Banco Mundial

·1 minuto de leitura

BRASÍLIA — O ministro da Economia, Paulo Guedes, viajou nesta segunda-feira para Washington para participar da reunião anual do Fundo Monetário Internacional (FMI) e do Banco Mundial. Guedes tem agenda no exterior até quinta-feira.

Na capital dos Estados Unidos, Guedes ainda tem reuniões com ministros da Fazenda e presidentes de banco centrais de países do G20.

O presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, também participará da reunião do FMI e do Banco Mundial, além de encontros e palestras com investidores institucionais.

Já nesta segunda, Campos Neto tem reuniões virtuais com representantes do banco Sumitomo e do Standard Chartered. Na sexta, ele fará palestra em evento do Goldman Sachs. Campos Neto estará em Washington de terça até sexta desta semana.

No centro das atenções do encontro de líderes mundiais está o futuro da diretora-gerente do FMI, Kristalina Georgieva, que é acusada de favorecer a China no relatório Doing Business, do Banco Mundial, quando trabalhava na instituição.

Um ponto envolvendo diretamente o Brasil foi a suavização de um alerta sobre os riscos que as mudanças climáticas trazem para a economia brasileira depois do governo se opor à linguagem utilizada no texto.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos