Guia Eleições 2020: confira o que levar, horário, local de votação e os cuidados com o coronavírus

·2 minuto de leitura

RIO - As eleições municipais de 2020 acontecem no próximo domingo, dia 15 de novembro, como algumas novidades e restrições por causa da pandemiado coronavírus. O horário de votação foi ampliado, os eleitores poderão justificar a ausência por meio de aplicativo de celular e o distanciamento social nas seções eleitorais é obrigatório. Abaixo, um guia completo da votação.

A votação ocorrerá em todo o Brasil das 7h às 17h, sendo ampliada em uma hora. A Justiça Eleitoral recomenda que o horário das 7h às 10h seja destinado às pessoas com mais de 60 anos para evitar aglomerações. Na hora da votação, o eleitor não poderá entrar na cabine com o aparelho celular em mãos.

Para o dia da votação é necessário apresentar um documento de identidade oficial com foto. O título de eleitor não é obrigatório, mas nele está indicado o local da zona e da seção eleitoral. Confira os documentos aceitos:

Também será possível votar com o e-Título (aplicativo que substitui a versão física do título de eleitor) desde que o eleitor já tenha feito o recadastramento biométrico e que a via digital apresente a fotografia.

A zona e a seção eleitoral estão informadas no título de eleitor. Para verificar o endereço exato do local, consulte a página do TSE ou a ferramenta do GLOBO.

Em função da pandemia do coronavírus, a Justiça Eleitoral recomenda algumas medidas sanitárias, como:

Nas eleições municipais, o eleitor deverá votar para vereador (cinco dígitos) e prefeito (dois dígitos), nesta ordem. O eleitor deverá digitar o número do candidato. Na tela, aparecerão foto, número e a sigla do partido do candidato escolhido. Verificada as informações, aperte a tecla verde (confirma). Há ainda as opções do voto nulo e branco. É permitido levar uma cola eleitoral para o local de votação.

Em caso de impossibilidade de votar, o eleitor poderá justificar a ausência por meio do aplicativo e-Título. Além das formas convencionais, com o preenchimento do Requerimento de Justificativa Eleitoral (RJE) em qualquer seção eleitoral ou pelo sistema justifica no site do TSE.