Há mais de 8.000 mortos por COVID-19 fora dos hospitais na Inglaterra

Cartaz com recomendações sobre COVID-19 em Huddersfield, Inglaterra

Mais de 8.000 pessoas morreram por coronavírus fora dos hospitais, na Inglaterra, portanto, não estão contabilizadas nos números oficiais - informou nesta terça-feira (28) o balanço total de vítimas no Reino Unido divulgado pelo Escritório de Estatísticas Nacionais (ONS).

Incluindo mortes dentro e fora dos hospitais - principalmente em casa e em lares para idosos -, o número total de óbitos pela COVID-19 ocorridos até 17 de abril, e registrados até 25 de abril, foi de 21.284 na Inglaterra, segundo os dados do ONS.

Este número é 8.151 maior do que os casos hospitalares contabilizados pelo Ministério da Saúde, que se baseia nas datas de registro das mortes, e não em quando ocorreram.

No total, o ONS registrou 4.343 mortos apenas em lares para idosos entre 10 e 24 de abril.

Estes estabelecimentos alertam há semanas que milhares de pessoas morrem neles sem serem contabilizadas nos balanços diários oficiais.

Um dos países europeus mais afetados pela pandemia, o Reino Unido - que soma os dados de Inglaterra, Gales, Escócia e Irlanda do Norte - registrava até segunda-feira um total de 21.092 mortos pelo novo coronavírus apenas em hospitais.