Há grande receptividade do governo para fornecer informações à equipe de Lula, diz relator da transição no TCU

BRASÍLIA (Reuters) - A equipe da gestão Jair Bolsonaro demonstrou “grande receptividade” e interesse em fornecer as informações necessárias para a transição ao governo do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva, afirmou nesta quinta-feira o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Antonio Anastasia.

“Há, evidentemente, uma grande receptividade por parte da equipe do atual governo, que quer fornecer as informações, e acredito que vá correr de maneira serena e tranquila”, disse.

Ministros do TCU receberam na manhã desta quinta-feira os ministros da Casa Civil, Ciro Nogueira; e da Economia, Paulo Guedes, para uma reunião sobre a transição de governo. À tarde, a corte de contas recebe representantes da equipe de Lula.

Anastasia será o relator do TCU no monitoramento da transição. Além dele, farão parte do comitê de acompanhamento os ministros Jorge Oliveira, relator das contas do governo Jair Bolsonaro em 2022; e Vital do Rêgo, selecionado relator das contas do primeiro ano da gestão de Lula.

Segundo Anastasia, o objetivo do acompanhamento pelo TCU é fazer valer o cumprimento da lei de 2002 e do decreto de 2010 que regulamentam o processo de transição presidencial.

(Por Bernardo Caram)