Há 15 anos, iPhone era anunciado por Steve Jobs; relembre alguns modelos

·1 min de leitura
Foto: Reprodução da internet.
Foto: Reprodução da internet.
  • Há 15 anos, o primeiro iPhone era apresentado por Steve Jobs;

  • O aparelho foi responsável por consolidar o celular sem teclado físico;

  • Desde então, o iPhone ditou tendências e passou por diversas transformações.

No dia 9 de janeiro de 2007, há exatos 15 anos, Steve Jobs, cofundador da Apple, mostrava ao mundo o produto que seria responsável por transformar a indústria dos telefones: o iPhone.

O aparelho ajudou a consolidar o celular sem teclado físico, ou seja, dotado apenas de tela. Na época, a grande sensação eram os Blackberrys e, desse modo, a criação da Apple apresentava uma nova experiência.

Leia também:

A promessa feita por Jobs se realizou, e a comunicação e o modo de trabalhar, e até de se relacionar, tiveram grandes mudanças.

Daquele período para cá, o aparelho da Apple sofreu diversas transformações. Por exemplo, mesmo que Jobs se opusesse às grandes telas, o mercado ditou outras regras, e a empresa seguiu a tendência.

Desse modo, em 2012, o iPhone 5 foi primeiro aparelho da empresa a ter incremento de polegadas.

Contudo, apenas em 2013, a tela realmente expandiu de tamanho, quando chegou a versão “plus”, com 5,5 polegadas, contra as 4,7 do modelo tradicional.

Veja alguns dos modelos que fizeram sucesso:

  • iPhone (2007) – O primeiro iPhone tinha as opções de 4GB e 8GB, ineditamente pensados como dispositivos mobile;

  • iPhone 3G (2008) – Logo após, a Apple lançou o iPhone 3G, que trazia a experiência da internet rápida;

  • iPhone 4s (2011) – Agora, o iPhone apresentava ao mundo a Siri, assistente pessoal do iOS;

  • iPhone 6 (2014) – Nesse período, era lançado o primeiro aparelho com mudanças no design, ou seja, as bordas arredondas;

  • iPhone 12 (2020) - Não demorou muito e, seis anos depois, as bordas retas retornaram, surpreendendo os usuários.

Com informações do Portal G1 e do Jornal Folha de São Paulo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos