Haddad aceita pedido de Lula e deve ser candidato do PT em 2022

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Former Brazilian president Luiz Inacio Lula da Silva (R) speaks with former Sao Paolo Mayor Fernando Haddad prior to a campaign meeting of Paris Mayor and candidate for re-election Anne Hidalgo (hiden) at the Theatre du Gymnase in Paris, on March 2, 2020, ahead of March 2020 mayoral elections in France. - France votes in municipal elections on March 15 and 22, 2020. (Photo by JOEL SAGET / AFP) (Photo by JOEL SAGET/AFP via Getty Images)
Fernando Haddad aceitou pedido de Lula para se candidatar novamente à presidência (Foto: JOEL SAGET/AFP via Getty Images)

Fernando Haddad (PT) deve ser candidato à presidência da República mais uma vez em 2022. Em 2018, o petista foi o opositor de Jair Bolsonaro (sem partido) no segundo turno e recebeu cerca de 45% dos votos válidos.

Em entrevista à TV 247, Haddad revelou que aceitou um pedido diretamente do ex-presidente Lula para se candidatar novamente. “Ele (Lula) me chamou para uma conversa no último sábado e disse que não temos mais tempo para esperar. Ele me pediu para colocar o bloco na rua e eu aceitei”, disse.

Leia também:

Em diversas ocasiões, petistas, entre eles Haddad, falaram em uma candidatura do próprio Lula em 2022. No entanto, o ex-presidente está enquadrado na Lei da Ficha Limpa, por isso, está inelegível.

A defesa de Lula tenta anular o julgamento, acusando o ex-juiz Sergio Moro, que condenou Lula, de suspeição. A expectativa é que o Supremo Tribunal Federal julgue o mérito da questão no 1º semestre.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos