Haddad repete Lula em 2002 e começa campanha de rua pelo Piauí

YALA SENA
Futura Press

TERESINA, PI (FOLHAPRESS) - Vestido em camiseta vermelha com os dizeres: "Wellington & Lula & Haddad & Manuela & Povo Brasileiro", o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad se acotovelava com militantes para cumprimentar cadeirantes em meio a um calor de 38 graus.

Era o lançamento da campanha de rua do vice de Lula em Teresina e do governador do Piauí, Wellington Dias (PT), que tenta à reeleição, mas bem pode ser uma cena para a campanha eleitoral na TV, que começa a ser veiculada dia 31.

Sob o olhar de Ricardo Stuckert, fotógrafo do ex-presidente Lula, e outras câmeras, Haddad fala com moradores em uma caminhada. Em meio a empurra-empurra, o petista destaca a gestão petista e a melhoria da educação no estado. Haddad repete o mesmo gesto do Lula que em 2002 iniciou campanha no Piauí na vila Irmã Dulce, na época, um bairro recém-invadido por sem-teto.

Desde vez, o bairro escolhido é o Dirceu Arcoverde, um dos mais populosos da capital piauiense. Ao lado do governador, Haddad dá uma parada e faz uma gravação a pedido de Stuckert. Relembra sobre as várias visitas que fez com o Lula quando ele era ministro da Educação. 

"Representar o Lula aqui no Piauí é uma coisa que me honra demais. Vim muitas vezes com Lula aqui no estado como ministro da Educação e agora como candidato é um motivo de muita esperança".

No estado, Haddad faz caminhada ao lado também do senador Ciro Nogueira, presidente nacional do Progressista, que confirma voto para Lula. 

A caminhada seguiu até a praça principal do bairro quando Haddad fez discurso em defesa da candidatura do Lula e comemorou a decisão do comitê de Direitos Humanos da ONU que diz que Brasil deve garantir os direitos políticos do Lula. Segundo ele, a liminar é um "socorro" e "esperança da justiça brasileira se curvar a democracia".

Ao ser questionado se vai usar imagens do Piauí no programa eleitoral, Haddad confirmou. "Vamos usar, porque aqui é um dos estados com melhores resultados desse século sob o comando do governador Wellington Dias, do PT".

O governador informou que a área que o PT nacional vai ressaltar no programa eleitoral é a educação.

"Será a área da educação onde temos bons resultados. É o Piauí para o mundo", disse o governador, que afirma que do início de seu governo em 2003 até hoje o analfabetismo reduziu em 44%. 

Parte da equipe de campanha deve migrar para o interior do estado, filmando escolas e universidades.