Haja criatividade: Gabriel Gabriel lança singles após compor 40 músicas em 40 dias

Natália Boere
·1 minuto de leitura

RIO — O desafio estava lançado. Cantor, compositor e multi-instrumentista, Gabriel Gabriel se propôs a compor 40 músicas em 40 dias logo no início da pandemia. Como maratona pouca é bobagem, ele não só cumpriu o combinado como entregou mais do que havia prometido a si mesmo: nos mesmos dias em que compunha as canções, gravava as faixas em seu home estúdio, produzia um clipe caseiro e postava em seu perfil no Instagram (@gabrielgabrielgg).

— Foi a maior correria, mas foi muito gratificante. Abriu meu portal da criatividade — afirma ele, que é um dos fundadores do bloco Amigos da Onça e já dividiu o palco com nomes como Gilberto Gil e João Bosco, junto com a Orquestra Pro Arte.

O esforço foi reconhecido: ele acabou contemplado no edital Retomada Cultural, da Lei Aldir Blanc, da secretaria estadual de Cultura e Economia Criativa, e pôde gravar profissionalmente duas de suas composições. No fim de março, lançou nas plataformas digitais o single “Cavaleiro do tempo”, cujo clipe teve mais de 200 mil visualizações em uma semana. E se prepara para lançar, no próximo dia 16, mais um: “O mar”, também acompanhado por um clipe.

—Fiquei muito feliz por colocar para fora este trabalho que estava dentro de mim desde os 12 anos, quando comecei a compor — diz o morador de Santa Teresa, acrescentando que Gabriel é também seu sobrenome de batismo. — Já nasci com nome artístico (risos).