Hamilton critica proibição de joias na F1

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Direção da categoria reforçou proibição de joias e Hamilton contestou regra.
Direção da categoria reforçou proibição de joias e Hamilton contestou regra. Foto: (Jeff Robinson/Icon Sportswire via Getty Images)

Motivada pelo novo diretor de provas da Fórmula 1, a regra que proíbe que pilotos da categoria utilizem joais, correntes, brincos ou piercings durante a realização das corridas foi relembrada na inauguração do Grande Prêmio de Miami deste fim de semana. Lewis Hamilton, um dos atletas mais badalados do grid, demonstrou sua insatisfação quanto ao regulamento.

Sete vezes campeão mundial, o piloto da Mercedes apareceu na coletiva de imprensa vestindo três relógios, oito anéis e diversas correntes no pescoço. Reticente quanto ao seu posicionamento, Lewis Hamilton disse que: "Olha, estamos em Miami. Isso é uma coisa tão pequena. Estou no esporte há 16 anos, uso joias há 16 anos. No carro eu só uso os brincos e o piercing no nariz, que não dá pra tirar. Parece desnecessário entrarmos nessa briga".

Leia também:

Surgida pela primeira vez no Grande Prêmio da Austrália, em abril deste ano, a regra se encontra no artigo 5 do regulamento, onde diz que: "o uso de joias na forma de piercings ou correntes de metal no pescoço é proibido durante a competição e, portanto, deve ser verificado antes da largada".

Brincando sobre o tema, Hamilton disse que colocou o máximo de joias que pôde: "Não consegui colocar mais joias que isso hoje. Nem tenho muito mais a acrescentar do que eu já disse da última vez, isso é quase um passo para trás, se você pensar nos avanços que fazemos como esporte, nas questões e causas mais importantes em que precisamos nos concentrar e realmente fazer pressão por elas".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos