#Hexa10anos: Há uma década, Flamengo derrotava o Corinthians e assumia liderança

Léo Moura comemora o segundo gol do Flamengo na vitória por 2 a 0 sobre o Corinthians -

Se no hepta o Flamengo assumiu a liderança na 17º rodada e a manteve até ser campeão, com quatro rodadas de antecedência, tudo foi diferente há dez anos, quando o clube conquistou o agora seu penúltimo título de Campeonato Brasileiro. Foi só faltando uma rodada para o campeonato acabar que o time venceu o Corinthians em Campinas e, contando com o tropeço do São Paulo, líder até então, finalmente assumiu a ponta.

A vitória por 2 a 0, com gols de Zé Roberto, o melhor em campo, e Léo Moura, de pênalti, foi muito discutida. É que o time paulista, no meio da tabela e sem maiores interesses mais na temporada, teria aliviado o jogo porque seus principais rivais, São Paulo e Palmeiras, disputavam o título. O que se viu no jogo foi um domínio do Flamengo, mas o Corinthians parecia jogar sério, dando até trabalho para o goleiro Bruno. Em tarde inspirada, Zé Roberto correu mais que a defesa corintiana, que parecia mesmo pouco afim de esforço, e abriu o placar no primeiro tempo. Quando Chicão foi expulso e o juiz marcou um pênalti pelo Flamengo, todo o time corintiano reclamou, mostrando vontade de vencer. Quando Léo Moura cobrou e o goleiro Felipe não pulou, porém, os rumores aumentaram.

Agora bastava vencer o Grêmio, rival do Inter, vice-líder, para ser campeão.