Hoje é Dia: 100 anos sem Lima Barreto; saiba mais sobre escritor

Logo Agência Brasil
Logo Agência Brasil

"A tristeza, a compreensão e a desigualdade de nível mental do meu meio familiar, agiram sobre mim de modo curioso: deram-me anseios de inteligência". Esse é o início da obra Recordações do Escrivão Isaías Caminha (leia aqui o livro já em domínio público), publicado pela primeira vez no ano de 1909 por Lima Barreto (1881-1922), que tem como uma das temáticas os resquícios da escravidão longe de serem superados 21 anos após a Abolição, assinada pela Princesa Isabel.

Analistas da obra veem que o livro de estreia do célebre escritor e jornalista, que morreu com apenas 41 anos de idade, há 100 anos (dia 1º de novembro), trazem referências autobiográficas e recheado dos ideais do artista negro, do pré-modernismo brasileiro, e um dos grandes autores da literatura brasileira.

Notícias relacionadas:

Uma coincidência é que o autor nasceu, no Rio de Janeiro, em 13 de maio de 1881 (sete anos antes da Abolição). As temáticas trazidas por Afonso Henrique de Lima Barreto são comumente elencadas nas discussões sobre o racismo no Brasil. Programas e reportagens disponíveis no acervo da Empresa Brasil de Comunicação elucidam o legado do artista em diferentes camadas.

Ao conhecer mais do trabalho de Lima Barreto, é possível identificar uma das principais vozes na literatura a criticar a desigualdade social brasileira ao discutir inserção na sociedade republicana do começo do século 20. Um podcast preparado pela Rádio MEC para o Rádio Memória apresenta o autor com marcas de ironia, bom-humor e sarcasmo.

O programa Prosa e Verso, de 1988, do áudio acima, foi uma preciosidade encontrada pela equipe do acervo. Recupera o atendimento médico ao escritor e a trajetória do autor. "Aqueles enormes carros dourados, puxados por quatro cavalos com cocheiros montados e um criado à traseira. A lei de 13 de maio vinha de longe. Era convicção da nação e justiça da escravidão. Não precisava de jornalistas nem evangelizadores para mostrar-lhe a injustiça".

Lima Barreto sofreu uma série de reprovações na escola. Com as dificuldades financeiras da família, abandonou os estudos. "Dolorosa vida minha". Ele perdeu a mãe quando tinha apenas sete anos de idade. A tragédia o abalou profundamente. O pai era tipógrafo e ambulante. Por isso, o rapaz precisou parar de estudar para trabalhar e ajudar no sustento dos irmãos mais novos. Foi trabalhar como servidor público, mas sua maior paixão eram as palavras. As colaborações em jornal (A Lanterna) começaram em 1902.  Também atuou no jornal humorístico Tagarela. Entenda mais da trajetória de Lima Barreto no programa abaixo:



O programa Momento Literário destacou também o caminho profissional e de vida de Lima Barreto. Entre os momentos mais importantes, a publicação de Triste Fim de Policarpo Quaresma (leia aqui a obra também já disponível para domínio público)  (1911). O programa destaca ainda a depressão e o problema com o alcoolismo, que debilitaram fatalmente a sua saúde:




Mais inspirações literárias

Esta semana que começa também tem outra data que remete ao legado da literatura nacional, com os 120 anos de nascimento de Carlos Drummond de Andrade. Ele nasceu em 31 de outubro de 1902. O autor que fez parte da vida da Rádio MEC desde 1936, quando assistiu à cerimônia de doação da frequência da Rádio Sociedade, por Roquette-Pinto, para o poder público.

Os registros dão conta também que Drummond atuou na Rádio MEC, emissora em que foi redator e cronista na década de 1960.

Estátua de Carlos Drummond de Andrade no calçadão de Copacabana tem óculos recolocados após serem roubados.
Estátua de Carlos Drummond de Andrade no calçadão de Copacabana tem óculos recolocados após serem roubados.
Hoje é Dia - Estátua de Carlos Drummond de Andrade no calçadão de Copacabana - Fernando Frazão/Agência Brasil

Leia, escute e veja mais sobre Drummond

Homenagens

O dia 2 de novembro (quarta-feira), que é feriado no Brasil, é momento tradicional de homenagear a memória das pessoas que já morreram. Os veículos da EBC, a cada ano, prestam serviço aos brasileiros sobre tudo o que envolve a data, que é um momento especial de reflexão. Não obstante, há dois anos, um especial da Agência Brasil destacou como a pandemia abalou os processos de luto.

Confira aqui a reportagem, que traz histórias emocionantes de compreensão desse momento e também entrevistas com especialistas sobre o tema. Com a volta à normalidade das relações sociais, a tendência é que existam mais encontros entre familiares para esse momento de saudades.

Assista a uma entrevista sobre o tema:

 

Confira a lista semanal do Hoje é Dia com datas, fatos históricos e feriados:

30 de outubro a 5 de novembro

30

Brasil é oficializado como sede da Copa do Mundo de 2014 (15 anos)

Dia Nacional do Ginecologista e Obstetra - a data homenageia os profissionais da área e lembra do papel essencial que este profissional desenvolve, ajudando a manter a boa saúde da mulher e da sua gestação

Dia Nacional de Luta contra o Reumatismo

Mussolini chega ao poder na Itália (100 anos)

Dia do Humor no Rio de Janeiro - a data foi escolhida para homenagear Paulo Gustavo, vítima de complicações da covid-19. A criação da data foi uma sugestão do canal televisivo Multishow, com o apoio da família do artista, e deu origem à Lei nº 9.440

31

Nascimento do poeta mineiro Carlos Drummond de Andrade (120 anos)

Caso Richthofen: o engenheiro Manfred Albert e a psiquiatra Marísia von Richthofen são assassinados em casa com golpes de barra de ferro. O crime foi planejado e executado pela filha mais velha do casal, Suzane, com a ajuda do então namorado, Daniel Cravinhos, e do irmão dele, Cristian Cravinhos (20 anos)

Nelson Piquet conquista o tricampeonato de F1 (35 anos)

Dia Nacional da Poesia - comemoração instituída em 2015, tem por fim marcar a data do aniversário do nascimento de Carlos Drummond de Andrade, que é considerado por muitos como o mais influente poeta brasileiro do século 20

Dia das Bruxas - comemoração tradicional em países do Hemisfério Norte, é festejada com personagens como bruxas e abóboras enfeitadas. Tem como origem a celebração celta do Festival de Samhain, no final da temporada de colheitas

Dia do Saci - criado em 2003 com o objetivo de resgatar figuras do folclore brasileiro, em contraposição ao Dia das Bruxas

Dia Mundial da Poupança

Dia Mundial das Cidades

Dia D, de Drummond - desde 2011, o IMS organiza o dia com o objetivo de fazer com que a data do nascimento do grande poeta brasileiro Carlos Drummond de Andrade (31 de outubro de 1902), passasse a integrar o calendário cultural do país. A fim de promover e difundir a obra do escritor pelo “mundo, mundo, vasto mundo”, o IMS convida parceiros e amigos para celebrar a data

Dia da Reforma Protestante

1

Morte do escritor carioca Lima Barreto (100 anos)

Adoção do padrão monetário do cruzeiro no Brasil (80 anos)

Teto da Capela Sistina é exibido ao público pela primeira vez (510 anos)

Dia Mundial Vegano - comemoração internacional desde 1994, instituída durante a celebração do 50º aniversário da Sociedade Vegana do Reino Unido

Dia de Todos os Santos (cristianismo)

2

Nascimento do desenhista e roteirista norte-americano Steve Ditko (95 anos) - criador do Homem-Aranha, em parceria com Stan Lee

Dia Internacional pelo Fim da Impunidade dos Crimes contra Jornalistas - data reconhecida pela ONU

Dia de Finados - comemoração de seguidores da Igreja Católica e cristãos de outras tradições. A data também é conhecida como Dia dos Mortos e é celebrada com feriado no Brasil, de acordo com a Lei nº 10.607, de 19 de dezembro de 2002

3

Nascimento do ator sueco Dolph Lundgren (65 anos)

Cadela Laika torna-se o primeiro ser vivo em órbita espacial, a bordo do Sputnik 2 (65 anos)

Dia Internacional da Reserva da Biosfera - comemoração instituída pela Unesco para ser festejada no mês do aniversário do lançamento do programa Homem e a Biosfera, que veio a público entre 9 e 19 de novembro de 1971, e que está relacionado à Rede Mundial de Reservas da Biosfera

Dia da Instituição do Direito de Voto da Mulher no Brasil

Dia Internacional contra a Violência e o Bullying na Escola, incluindo o cyberbullying - data móvel, lembrada na primeira quinta-feira de novembro

4

Morte do compositor e pianista Felix Mendelssohn (175 anos)

O arqueólogo e egiptólogo inglês Howard Carter descobre a tumba de Tutancâmon (Tut-Anj-Amón) no Egito (100 anos)

Dia das Favelas - comemoração de membros da Central Única das Favelas com eventos em várias localidades do Brasil, que está oficializada nas cidades do Rio de Janeiro e São Paulo; faz referência à uma carta datada de 4 de novembro de 1900, escrita por um delegado da 10ª Circunscrição do Rio de Janeiro para o então chefe da polícia da cidade, Enéas Galvão, sobre a favela do Morro da Providência. Esta é tida como a primeira referência documentada da história brasileira sobre favelas

Dia dos Inventores

Acidente aéreo no bairro Casa Verde, zona norte da cidade de São Paulo (15 anos) - avião cai sobre casas e mata oito pessoas

5

Nascimento do cantor e compositor carioca Marcelo D2 (55 anos)

Nascimento do rapper, cantor, compositor e apresentador paulistano Altair Gonçalves, o Thaíde (55 anos)

Dia da Cultura e da Ciência - comemoração do Brasil, que foi criada pela Lei nº 5.579, de 19 de maio de 1970, e que também é conhecida como Dia Nacional da Ciência e Cultura Brasileira

Dia Nacional da Língua Portuguesa - comemoração estabelecida pela Lei nº 11.310, de 12 de junho de 2006. A lei brasileira é uma homenagem ao escritor e político Ruy Barbosa, conhecido por ser um profundo estudioso do idioma, nascido em 5 de novembro de 1849

Dia Mundial da Conscientização sobre Tsunamis - data reconhecida pela ONU

Dia do Radioamador

Dia Nacional do Design - comemoração instituída pelo decreto de 19 de outubro de 1998. A data foi estabelecida pelo presidente Fernando Henrique Cardoso, em comemoração ao aniversário de Aloísio Magalhães, um dos maiores designers brasileiros e grande responsável pela introdução do design moderno no país

Primeira transmissão da TV Educativa (TVE) (47 anos)