Sobe para 58 o número de mortos em suposto bombardeio com gases na Síria

Cairo, 4 abr (EFE).- Pelo menos 58 pessoas morreram nesta terça-feira, entre elas 11 menores, e dezenas ficaram feridas em um suposto bombardeio químico na cidade de Jan Shijun, na província de Idlib, na Síria, segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

A ONG, citando fontes médicas e ativistas, disse que alguns dos feridos por este ataque perpetrado por aviões não identificados apresentavam sintomas de asfixia, vômitos e dificuldades de respiração. EFE