Homem é morto após festejar o Dia dos Namorados em ginkeria; mulher também foi baleada

Um homem morreu após ser baleado ao deixar um bar em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio, na madrugada desta segunda-feira. Lucas Dias Santos, de 28 anos, comemorava o Dia dos Namorados no local com a companheira Veronica Ketelen Junqueira Penha, de 27, quando o casal foi surpreendido pelos disparos na saída da Ginkeria London. A mulher também foi alvejada, mas sobreviveu.

Planejado: Preso por mortes em prédio de luxo, pintor diz ter combinado com comparsa de amarrar e amordaçar idosa durante roubo

Ressaca: 'Invasão' do mar no asfalto vai ficar cada vez mais frequente, diz especialista

Pecado: Padre é atacado por homem durante missa na Zona Norte do Rio

Relatos de testemunhas apontam que os disparos partiram de um homem que, pouco antes, havia sido expulso do estabelecimento por seguranças, depois de brigar no interior do local. Já do lado de fora, ainda segundo essa versão, o atirador abriu fogo a poucos metros do bar contra pessoas supostamente envolvidas na discussão anterior, mas o casal, que não tinha relação com a confusão, acabou atingido por engano.

Lucas e Veronica já estavam dentro do carro, em uma rua próxima, depois de decidirem deixar o evento justamente por conta de todo o tumulto. Mesmo ferida, a mulher chegou a socorrer o companheiro até o Hospital municipal Rocha Faria, no mesmo bairro, a apenas três quarteirões da ginkeria, situada na Estrada do Monteiro.

Vingança?: Justiça mantém prisão de PM por morte de ex-marido, também policial, após vê-lo com outra mulher

De acordo com a Secretaria municipal de Saúde, "Lucas, infelizmente, não resistiu e faleceu" após dar entrada na unidade. Já Veronica, que foi ferida de raspão, permancia internada até a noite desta segunda-feira, "com o quadro de saúde estável". Informações que circulam pelas redes sociais indicam que Lucas deixou um filho de apenas 2 anos.

O caso foi registrado na 35ª DP (Campo Grande), que está conduzindo as investigações. Testemunhas já foram ouvidas na delegacia, que também obteve imagens de câmeras de segurança que flagraram toda a dinâmica.

Feminicídio: No Dia dos Namorados, mulher é morta por companheiro na Zona Oeste; mãe do suspeito o entregou

Motorista teria perdido o controle: Acidente de carro com alunos do Pedro II deixa um morto e dois feridos em estado grave

Aberta há cerca de um ano, a London Ginkeria se apresenta na internet como a maior casa do gênero do Rio de Janeiro. O GLOBO tentou contato com o estabelecimento por um telefone fixo e um celular disponível na página do espaço, mas não obteve retorno.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos