Homem é multado por jogar ovo contra rei Charles III em Luton

Um homem foi multado após se declarar culpado de jogar um ovo contra o rei Charles III, de 74 anos, quando se reunia com o público em Luton, no norte de Londres, em 6 de dezembro.

Identificado como Harry May, de 21 anos, o jovem foi acusado de ofensa à ordem pública. No Tribunal de Magistrados de Westminster, ele disse que considerou a visita do monarca à "área pobre" de "mau gosto".

Na ocasião, Charles III foi afastado da multidão por oficiais de proteção, mas continuou sua visita logo depois. May foi detido após a ação e acusado de atentar contra a ordem pública.

O advogado de defesa, Alex Benn, disse ao tribunal que seu cliente "lamenta profundamente" suas ações e "aceita que agora terá de enfrentar as consequências".

Eles o descreveram como uma "pessoa comprometida e voltada para a família" que "se preocupa profundamente com sua comunidade local".

Incidentes envolvendo ovos e o filho mais velho de Elizabeth II se tornaram comuns desde que Charles assumiu o trono. No último mês, um rapaz de 23 anos arremessou um ovo no rei, mas sem conseguir atingi-lo.

Patrick Thelweel, de 23 anos, foi preso, mas solto em seguida sob a condição de não andar mais com ovos em público. O jovem pode ser preso por até seis meses e pagar uma multa de mais de R$ 30 mil pelo ato.