Homem é espancado e amarrado a fios elétricos em clínica médica após conhecer duas mulheres em bar do DF

·2 minuto de leitura
  • Após conhecer mulher em um bar, homem foi amarrado e agredido em uma clínica no DF

  • Outra mulher, que acompanhava a suspeita, também acabou amarrada

  • Homem diz que mulher exigia que ele transferisse dinheiro para as contas dela

Um homem foi amarrado, agredido com golpes na cabeça e envolto em fios elétricos dentro de uma clínica num edifício comercial de Santa Maria, no Distrito Federal, na madrugada desta quinta-feira (14), por uma mulher que ele havia acabado de conhecer num bar. Uma outra mulher, que estava com a agressora, também acabou amarrada, e a polícia ainda investiga seu envolvimento no crime. 

De acordo com policiais militares do 26º Batalhão, uma pessoa ouviu os gritos de socorro da vítima e chamou a polícia. Ao chegarem ao local, os agentes ouviram os gritos, entraram no prédio comercial e encontraram a clínica com as portas abertas no primeiro andar. 

Leia também:

De acordo com o relato dos PMs, naquele momento estavam amarrados o homem e uma mulher, mas apenas ele estava ferido, com muitos golpes na cabeça e marcas de sangue por todo o lugar. Pelo chão, estavam espalhados cigarros e latas de cerveja, além de uma seringa com a ponta torta.

Presa, a mulher de 40 anos admitiu que amarrou os dois com roupas e fios elétricos. A vítima contou aos policiais que ela estava agressiva, visivelmente sob efeito de álcool ou drogas, e que exigia que ele transferisse dinheiro para as contas dela e da outra mulher que também estava amarrada. 

Ainda segundo a PMDF, a mulher foi encaminhada para a delegacia, onde foi autuada por latrocínio tentado. O homem foi levado ao Hospital Regional de Santa Maria após ter sido atendido no local pelo Corpo de Bombeiros. A outra mulher, que também acabou amarrada, foi liberada pela polícia, mas sua participação no crime ainda não foi descartada. 

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos