Homem agride mulher trans em MG enquanto amigos filmam; veja o vídeo

·1 min de leitura
  • Homem desceu do veículo e acertou um chute nas pernas da vítima

  • Luara Silva fazia um trabalho social quando foi agredida

  • A ação foi filmada pelos amigos do rapaz, que riam de dentro do veículo

Um homem agrediu covardemente uma mulher transexual em Uberlândia, Minas Gerais, na última quarta-feira (20), enquanto seus amigos filmavam o episódio de dentro de um veículo. O grupo fugiu na sequência.

Luara Silva, presidente da Associação Triângulo Trans fazia um trabalho social no Bairro de Custódio Pereira quando foi atacada.

As imagens mostram o rapaz sem camisa no banco do passageiro do veículo. Ao avistar Luara, ele pede para que o motorista, responsável pela filmagem, estacione..

O agressor desce e vai ao encontro da vítima como se fosse pedir informação. “Oi, moça, você está bem?”, chega a perguntar.

Agressão foi filmada pelos próprios amigos do rapaz - Foto: Reprodução
Agressão foi filmada pelos próprios amigos do rapaz - Foto: Reprodução

Ao se aproximar de Luara, porém, desfere um violento chute na altura das pernas da mulher, que cai no chão. Imediatamente, o rapaz volta correndo para o carro, que sai em disparada com todo o grupo gargalhando e celebrando. Ninguém foi identificado até o momento.

“Abalada psicologicamente”

Em entrevista à TV Integração, Luara relatou que estava fazendo um trabalho social que realiza há anos com pessoas que fazem programa na madrugada.

Ela relatou que o agressor chegou a perguntar-lhe “quanto é o programa” antes de atingi-la com o chute. A vítima disse estar bem fisicamente, mas “abalada psicologicamente”.

Luara também relatou que na noite anterior, garotas de programa da cidade foram atacadas com ovos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos