Homem confessa que matou casal por dívida de R$ 500 na Bahia

O acusado confessou os homicídios à polícia e os justificou dizendo que o casal lhe devia R$ 500. (Foto: Divulgação)

Um homem de 19 anos foi preso em Itapetinga, no interior da Bahia, na segunda-feira (20), acusado de matar um casal por causa de uma dívida de 500 reais. Daniel Nunes de Souza teria confessado o crime na delegacia.

As informações são do jornal Extra.

De acordo com a Polícia Civil, Gervásio Moreira de Castro e Miriam Partenostro Ferreira Castro compraram uma ferramenta de Daniel, mas não cumpriram o prazo para o pagamento. O homem foi preso poucas horas depois e confessou detalhes dos assassinatos.

Leia também

Em seu depoimento, segundo a polícia, Daniel revelou que o crime aconteceu depois que ele foi até a casa de Gervásio e pediu uma carona do distrito de Itaimbé, na zona rural de Potiraguá, até a região de Teixeira do Progresso, na cidade vizinha Mascote.

No caminho, fingiu que ia checar o pneu no carro e aproveitou a parada para esfaquear o motorista. Gervásio foi atingido com golpes de facão na cabeça, e seu corpo foi levado por Daniel para um matagal às margens da estrada.

Depois do primeiro crime, o homem voltou para a residência do casal dizendo que foi buscar uma motosserra, e acabou estrangulando Mirian até a morte.

Ele fugiu levando o celular da vítima e a ferramenta, mas acabou capturado no mesmo dia. Ele já foi encaminhado para audiência de custódia da Justiça.