Homem é executado a tiros na frente da família em posto de gasolina, no MS

Homem foi executado a tiros em posto de gasolina, em MS, na frente da família. Foto: Reprodução / Redes sociais.
Homem foi executado a tiros em posto de gasolina, em MS, na frente da família. Foto: Reprodução / Redes sociais.
  • Homem foi executado a tiros em um posto de gasolina na Rua Fátima do Sul, na Vila São Jorge da Lagoa, em Campo Grande;

  • Nas imagens, o suspeito se aproxima do carro, saca uma arma e dispara contra a vítima;

  • Segundo testemunhas, o suspeito fugiu do posto em um carro.

Imagens de câmera de segurança registraram o momento em que Francisco Anderson Costa Silva, de 38 anos, foi executado a tiros em um posto de combustível na Rua Fátima do Sul, na Vila São Jorge da Lagoa, em Campo Grande, na noite da última sexta-feira (28).

Nas imagens, o suspeito se aproxima do carro, saca um revólver e dispara contra a vítima. A mulher e as duas crianças que estavam no veículo não se feriram.

De acordo com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), Francisco foi atingido por dois tiros no tórax e morreu ainda no local.

Segundo testemunhas, que pediram para não serem identificadas, o suspeito fugiu do posto em um carro. Ao encontrar um veículo que atendia às características informadas, a equipe que patrulhava o local o abordou.

Quando as autoridades se aproximaram do automóvel de aplicativo, o suspeito saltou do veículo em movimento.

Dentro do carro foram encontrados uma mochila preta com arma de fogo, três carregadores, munições, roupas e documentos.

Assassinatos aumentaram ou diminuíram em 2022?

De acordo com o índice nacional de homicídios criado pelo g1, o número de assassinato caiu em 2022.

Nos seis primeiros meses deste ano, foram 20,1 mil assassinatos, representando uma diminuição de 5% em comparação ao mesmo período de 2021.

Contudo, o número continua alto. No primeiro semestre, mais de 111 brasileiros, em média, foram executados por dia.