Homem é executado com 15 facadas e um tiro na cabeça em Minas

De acordo com a perícia, o jovem foi atingido com 15 facadas e um tiro na cabeça. (Foto: Getty Images)
De acordo com a perícia, o jovem foi atingido com 15 facadas e um tiro na cabeça. (Foto: Getty Images)

Ygor Henrique Oliveira Freitas, de 22 anos, morreu após ser esfaqueado e baleado na noite deste domingo (8) em Governador Valadares, Minas Gerais. De acordo com a perícia, o jovem foi atingido com 15 facadas e um tiro na cabeça.

O crime aconteceu na Praça Itatiaia, no bairro Ilha dos Araújos. Uma equipe do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) esteve no local e constatou o óbito.

Uma faca do tipo peixeira foi encontrada quebrada próxima ao corpo, além de uma bicicleta que pertencia à vítima. Testemunhas informaram à polícia que os autores seriam dois homens, tio e sobrinho, moradores do mesmo bairro.

Ainda segundo testemunhas, após o crime, a dupla fugiu em um carro vermelho. O veículo foi encontrado abandonado com as portas abertas na Avenida Suassuí. A motivação do crime está sendo investigada. A polícia segue à procura dos autores.

Morto a tiros em Valadares

Na madrugada da última sexta-feira (6), um jovem, de 25 anos, foi morto a tiros em Governador Valadares, Minas Gerais. O crime aconteceu na Rua Luiz Simões Silva, no bairro Santo Antônio. Após o fato, os autores fugiram.

A companheira do jovem, uma adolescente de 17 anos, em depoimento, informou que os dois estavam em um quarto quando ouviram um barulho. Ao sair para verificar do que se tratava, Diego Barbosa Dias voltou desesperado pro quarto, onde se escondeu, mas acabou sendo surpreendido por três indivíduos encapuzados.

Os criminosos arrombaram a porta e atiraram várias vezes contra a vítima. Eles fugiram na sequência. O SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) compareceu ao local e confirmou a morte. No corpo do jovem foram constatadas cinco perfurações de cartuchos calibre 32.

De acordo com a PM, Diego já era conhecido no meio policial por violência doméstica contra a namorada, além de ameaça de morte contra um primo da companheira.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos