Homem é morto a tiros após atacar civis e policiais com corrente, facão e até flechas

·1 min de leitura
As armas usadas pelo rapaz e o carro atingido pela corrente - Foto: Divulgação/Polícia Militar
As armas usadas pelo rapaz e o carro atingido pela corrente - Foto: Divulgação/Polícia Militar
  • Rapaz atacou civis e policiais em uma rodovia no interior de Minas Gerais

  • Ele atirou flechas na direção dos agentes e acabou baleado

  • O criminoso teria matado um cachorro e ferido um motociclista durante a ação

Um homem foi morto a tiros pela Polícia Militar de Minas Gerais na manhã da última segunda-feira (7), após atacar com corrente, facão e até flechas civis e agentes em São João do Manhuaçu.

De acordo com informações do jornal Estado de Minas, o rapaz tinha 32 anos e partiu para cima de pessoas na rodovia BR-116. Dois homens que estavam em um veículo foram atacados com a corrente. O para-brisa do carro quebrou e um deles ficou ferido com os estilhaços.

Eles chamaram a polícia, que encontrou o suspeito no meio da pista, de posse das armas e incomodando quem passava pela região.

Ao perceber a aproximação da viatura, o rapaz atirou flechas na direção dos agentes. Eles ainda tentaram convencê-lo a desistir da ação, mas o homem, partiu para cima com o facão em mãos.

Os agentes registraram que iniciaram os disparos como forma de defesa. O rapaz foi atingido e morreu no local.

Vítimas e ameaças

Segundo relatos de testemunhas, o homem havia matado um cachorro com o facão, ameaçado um senhor de 56 anos e acertado uma flecha em um motociclista que passava pela rodovia. Ele foi encaminhado a um hospital para atendimento médico.

A Polícia Civil investiga o que levou o rapaz a realizar os ataques.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos