Homem é morto ao chegar a enterro de ex-sócio assassinado no dia da eleição

Homem foi morto em frente a cemitério - Foto: Reprodução
Homem foi morto em frente a cemitério - Foto: Reprodução
  • Homem foi morto quando chegava a enterro de amigo no Rio de Janeiro

  • Os dois ex-sócios foram assassinados em menos de dois dias

  • Polícia suspeita que dupla estivesse ligada a crime de venda de cigarros contrabandeados

Um homem foi assassinado na última terça-feira (4) em frente a um cemitério no Rio de Janeiro quando chegava para o enterro de um amigo, morto dois dias antes.

O empresário Fábio de Alamar Leite foi executado com vários tiros disparados por dois homens, armados com pistolas. Ele ainda chegou a ser levado ao Hospital Salgado Filho, no Méier, mas não resistiu.

De acordo com informações do jornal O Globo, Fábio é ex-sócio de Fabrício Alves Martins de Oliveira, assassinado a tiros no domingo de eleição (2) em um posto de combustível.

A Polícia Civil investiga se há alguma relação entre os casos. Há suspeita de que os assassinatos estejam ligados ao mercado de venda de cigarros contrabandeados.

Fabrício chegou a ser preso pelo crime em 2019, e a polícia apura se sua morte está ligada a este passado.

Entenda os crimes

Fábio foi sócio de Fabrício em um comércio. Na última terça, ele estava chegando ao Cemitério de Inhaúma, na Zona Norte do Rio, quando dois homens encapuzados desceram de um carro, dispararam contra ele e voltaram ao veículo.

O rapaz foi socorrido com vida e levado ao hospital, mas não resistiu e morreu ainda no caminho.

Dois dias antes, Fabrício estava com sua Range Rover blindada em um posto de gasolina quando desceu para ir à loja de conveniência. Neste momento, quatro homens encapuzados e armados com fuzis o abordaram e dispararam repetidas vezes.

A vítima não resistiu e morreu na hora. Uma mulher que estava com Fabrício escapou sem ferimentos porque ficou no interior do veículo.

As mortes de Fabrício e Fábio estão sendo investigadas pela Delegacia de Homicídios do Rio de Janeiro.