Homem é morto pela polícia após incendiar a própria casa e atirar no padrasto em MG

Homem foi morto após colocar fogo em casa e atirar no padrasto - Foto: Divulgação/CBMG
Homem foi morto após colocar fogo em casa e atirar no padrasto - Foto: Divulgação/CBMG
  • Homem foi morto em tiroteio com a polícia na cidade de João Pinheiro

  • Ele havia colocado fogo na própria casa e atirado contra o padrasto

  • Após ser baleado, o rapaz não resistiu e morreu no local

Um homem de 29 anos morreu em tiroteio com a polícia no último fim de semana, após incendiar a própria residência e atirar contra o padrasto em João Pinheiro, Minas Gerais.

De acordo com o jornal Estado de Minas, o homem teria entrado em surto na madrugada do último sábado. Ele voltou armado para casa, sem que a família percebesse.

Sem motivo aparente, o rapaz incendiou uma residência nos fundos do imóvel, onde vivia, momento no qual a Polícia Militar foi acionada.

Quando parte da família tentava apagar o fogo, o suspeito sacou o revólver e deu dois tiros no padrasto. Mesmo atingido no tórax, o idoso de 70 anos conseguiu escapar.

Polícia baleia suspeito

Agentes da polícia chegaram ao local e foram surpreendidos com novos tiros, ao que responderam também com disparos. O suspeito foi atingido, chegou a ser socorrido pelos policiais, mas não resistiu.

O Corpo de Bombeiros foi chamado e conseguiu controlar o fogo. Mesmo assim, a casa dos fundos ficou destruída.

O padrasto do atirador sobreviveu, mas não foram informados detalhes sobre seu estado de saúde.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos