Homem morre após liquidificador explodir em sua casa, no Paraná

O operador de máquinas Gustavo Stival Calisto, de 27 anos, morreu depois de o liquidificar que ele manuseava em sua casa, no bairro Butiatuvinha, em Curitiba, no Paraná, explodir. O acidente ocorreu noite da última quarta-feira.

A vítima estaria fazendo uma manutenção no eletrodoméstico. A família do rapaz ouviu o barulho de uma explosão e, quando foi ver o que havia acontecido, o encontrou ferido. A suspeita é que alguma peça do eletrodoméstico tenha se soltado e atingido Gustavo no peito.

Equipesdo Corpo de Bombeiros foram para o local, mas o rapaz acabou morrendo na residência. A Polícia Técnica fez uma perícia no local. O corpo de Gustavo foi levado para o Instituto Médico-Legal (IML).

Em redes sociais, amigos e parentes lamentaram a morte do operador de máquinas. "Para sempre será o amor da minha vida", escreveu a namorada, Kamila Lima. Outras pessoas também prestaram homenagens:

"Não acredito, meu Deus. Lembro da gente pequeno na sua casa, ensaiando para irmos em um casamento... Brincando, dois tiquinhos de gente. Descanse em paz".

"Hoje o dia amanheceu cinza, segunda mesmo a gente estava marcando o churras aqui em casa, meu mano, saudades eternas! Vai estar no meu coração para sempre, maninho".