Homem morre após ser esmagado por brinquedo em parque de SP; veja o vídeo

·2 min de leitura
  • Um vídeo mostra o desespero dos presentes após William Ribeiro ser prensado pelo brinquedo

  • O rapaz teria soltado a trava de segurança e ficado de pé na atração

  • Outras cinco pessoas ficaram feridas ao tentar auxiliá-lo

Um homem de 29 anos morreu na noite de quinta-feira após ser esmagado por um brinquedo de um parque de diversões em Itu, no interior de São Paulo. A vítima foi identificada como William Ribeiro.

Uma testemunha filmou o momento seguinte ao acidente. William aparece estirado no chão, enquanto outras pessoas que se divertiam no parque gritam e pedem ajuda.

O acidente aconteceu em uma atração chamada “Superman”, na qual os participantes permanecem sentados, com travas de segurança, enquanto o brinquedo faz movimentos no ar.

Segundo o operador do brinquedo, William teria soltado a trava para ficar de pé. Após ser alertado, sentou-se, mas voltou a levantar-se em seguida, momento no qual teria se desequilibrado e caído.

Ainda de acordo com o relato, o operador imediatamente tentou frear o brinquedo, justamente para impedir que a estrutura esmagasse o rapaz, mas não houve tempo.

William não resistiu aos ferimentos - Foto: Reprodução/Facebook
William não resistiu aos ferimentos - Foto: Reprodução/Facebook

Outras cinco pessoas que se soltaram para tentar ajudar William ficaram feridas. Elas foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

A vítima também foi socorrida pelo serviço de emergência e encaminhada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Vila Martins, mas não resistiu. Seu corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML).

O dono do parque e o operador do brinquedo foram levados pela polícia e prestaram depoimento. A atração será submetida a uma perícia para confirmar as causas do acidente.

Dono do parque se manifesta

O responsável pelo parque concedeu entrevista à TV Tem e garantiu que não houve nenhuma falha no brinquedo. Ele lamentou o ocorrido e garantiu que prestará assistência à família de William.

"O erro não foi do brinquedo. O pessoal deu uma olhada no equipamento e viu que está tudo ok. Infelizmente, o rapaz foi andar de forma incorreta, querer ficar em pé, não sei se foi para tirar selfie, eu não sei dizer exatamente, mas ele foi orientado a sentar”, declarou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos